Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post

Projeto “Cuidar da Vida” da CNBB capacita líderes e agentes de pastoral para atuar na prevenção do suicídio

Na foto: Agente Ana Maria, Pe. Júlio César, OSC., Agente Ramon, Seminarista Carlos e Agente Izabel

A Pastoral Juvenil e a Pastoral da Educação estão unindo esforços para enfrentar o grave problema do suicídio entre jovens de 18 a 29 anos, que é a segunda causa de morte globalmente, conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS). O projeto “Cuidar da Vida – Prevenção de Suicídio entre Adolescentes e Jovens”, coordenado pela Comissão Episcopal para Juventudes, tem como objetivo capacitar líderes e agentes de pastoral para atuarem na prevenção do suicídio.

Com a colaboração de psicólogos e educadores católicos, o projeto visa integrar ações preventivas em grupos juvenis e escolas, oferecendo suporte emocional e promovendo a vida em resposta aos desafios crescentes enfrentados pela juventude em relação à saúde mental. A proposta, aprovada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), destaca a importância de ações coordenadas e eficazes para lidar com essa questão crítica na sociedade contemporânea.

O projeto realizou um minicurso de 28 a 30 de junho na cidade do Rio de Janeiro, com o objetivo de capacitar líderes e agentes de pastoral para atuarem na prevenção do suicídio em suas comunidades. Este encontro contou com a presença do Assessor Nacional para Educação da CNBB, Padre Júlio César Evangelista Resende, da Ordem Santa Cruz, e dos representantes da Pastoral da Educação da Diocese de Oliveira, cidade de Campo Belo, o seminarista Carlos Eduardo Fonseca da Cruz, e a agente Izabel Afonso Pinto, da Diocese de Guaxupé, cidade de Alfenas, a agente Ana Maria Santana do Amaral, e representando a Pastoral Juvenil, da Diocese de Sete Lagoas, Ramon de Sá Fernandes.

Uma resposta

  1. Uma importante missão, dos agentes multiplicadores diante dessa atual globalização. Parabéns a Cnbb pela iniciativa de tornar, um assunto de saúde pública tão cheio de tabus e levar a população formadores tão abençoados da Pastoral Juvenil para dar início a uma jornada de trabalho em busca de jovens mais felizes e que valorizem a vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira
plugins premium WordPress Pular para o conteúdo