Pesquisar

Os 29 bispos e arcebispos mineiros e capixabas realizaram seu 1º Encontro na Casa de Retiros São José, em Belo Horizonte, MG, nos dias 08 a 11 de março de 1966. Neste 1º Encontro foram fixados o plano de pastoral conjunto para as Igrejas de Minas Gerais e Espírito Santo e as diretivas comuns para as dioceses.

Estiveram presentes dom Oscar de Oliveira (Mariana); dom Hermino Malzone (Governador Valadares); dom José Eugênio Côrrea (Caratinga); dom Marcos Antonio Noronha (Itabira); dom José Alves Trindade (Montes Claros); dom Frei Quirino Adolfo Schimitz (Teófilo Otoni); dom João Batista (Januária); dom João Resende Costa, Dom Serafim Fernandes de Araújo (Belo Horizonte); dom Belchior Joaquim da Silva Neto (Luz); dom José de Medeiros Leite (Oliveira); dom Daniel Tavares B. Neves (Sete Lagoas); dom Cristiano Portela Araújo (Divinópolis); dom Alexandre Gonçalves de Amaral (Uberaba); dom José André Coimbra (Patos de Minas); dom Almir Marques Ferreira (Uberlândia); dom Raimundo Luiz (Paracatu); dom José D’Angelo Neto (Pouso Alegre); dom Othon Motta (Campanha); dom José de Almeida Batista Pereira (Guaxupé); dom Geraldo Maria de Morais Penido (Juiz de Fora); dom Delfim Ribeiro (São João Del Rei); dom Geraldo Ferreira Reis (Leopoldina); dom João Batista de Motta (Vitória); dom Luiz Gonzaga Fernandes; dom José Davit (São Mateus).

Embora ausentes desse primeiro encontro, outros bispos e arcebispos compunham o setor Leste 2 da CNBB nesta época: dom Antônio dos Santos Cabral (Belo Horizonte); dom Serafim Gomes Jardim (Anasarta); dom Manuel Nunes Coelho (Luz); dom Rodolfo das Mercês O. Rena (Apolides).

Na primeira Assembléia do Setor Leste 2 da CNBB esteve presente o arcebispo de Brasília dom José Newton B. Pereira.
O objetivo da reunião dos bispos foi avaliar a repercussão das decisões tomadas no Concílio Vaticano II, a ação da Igreja a partir do Plano Nacional de Pastoral de Conjunto a luz da realidade de MG e ES, cujo documento foi elaborado em Roma em finais de 1965. Outros assuntos discutidos: liturgia, evangelização e catequese.

Deste modo o encontro do Setor Leste 2 seguindo passo a passo o Plano de Pastoral da CNBB buscou traçar normas especiais dentro dos seguintes objetivos: 

Promover a mais plena unidade visível de Igreja, como povo de Deus, inclusive em suas estruturas externas;
Promover a ação missionária;
Promover a ação catequética;
Promover a renovação litúrgica;
Promover a ação ecumênica;
Promover a inserção do povo de Deus no mundo para que os cristãos possam atuar como fermento, segundo os desígnios de Deus.
 

O Encontro Regional dos Bispos de MG e ES teve por característica um grande espírito de fraternidade e um estudo atento dos problemas da Região.
O Encontro foi assessorado por Francisco Whilacker. Sendo subsecretário Pe. Candido Bisewski.

Desde então os Bispos do Regional até 1970 encontravam-se anualmente; a partir de 1970 passaram a encontrar-se duas vezes por ano, uma reunião privativa, realizada no 1o semestre (junho) e uma Assembléia Regional, realizada em novembro.

 

Criação do Regional Leste 3

A proposta para criação do Regional Leste 3 (Espírito Santo) teve início em 2019, com o objetivo de colegialidade da ação comum, o estudo e aplicação das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil; favorecer a construção de uma pastoral orgânica, a partir das características das Comunidades Eclesiais de Base, com os organismos de comunhão, marca evangelizadora da Igreja capixaba; coordenar as atividades em sintonia com a CNBB e a Santa Sé; e animar a dimensão social da evangelização a partir da realidade capixaba.

O projeto foi pauta da reunião do Conselho Pastoral do Regional Leste 2 e submetida e aprovada pelo Conselho Permanente da CNBB em 2020.

Em 14 de abril de 2021, o episcopado reunido na 58ª Assembleia Geral da CNBB ratificou a criação do Regional Leste 3, composto pelas Igrejas Particulares do Estado do Espírito Santo: a arquidiocese de Vitória e as dioceses de Cachoeiro do Itapemirim, Colatina e São Mateus.

A instalação do Regional Leste 3 foi celebrada em 11 de dezembro de 2021 no Santuário Divino Espírito Santo, em Vila Velha (ES). Com isso, o Regional Leste 2 passou a ser constituído por 28 (arqui)dioceses do Estado de Minas Gerais.

plugins premium WordPress Pular para o conteúdo