Pesquisar

Pastoral da Comunicação de Montes Claros realiza o III Encontro Arquidiocesano

O III Encontro Arquidiocesano da Pastoral da Comunicação – Pascom, realizado no último final de semana, dias 18 e 19 de novembro de 2023, na Casa de Pastoral Santo Antônio, foi um momento enriquecedor para os participantes, reunindo coordenadores paroquiais e forâneos da Pascom.

Reunião com os coordenadores

No sábado pela manhã, o encontro teve início com uma missa presidida pelo padre George Luís Cardoso Silva, assessor pastoral da Comissão para a Comunicação do Regional Leste 2, que abrange o estado de Minas Gerais, e do Secretariado para a Comunicação da Arquidiocese de Montes Claros. Essa celebração inicial proporcionou um momento de reflexão e espiritualidade, preparando o ambiente para os trabalhos da reunião dedicada aos coordenadores paroquiais e forâneos da Pastoral da Comunicação.

Nesse espaço, os participantes tiveram a oportunidade de compartilhar suas experiências, discutir desafios e trocar ideias sobre os caminhos que a Pascom tem trilhado em suas respectivas comunidades.

Além disso, houve a presença e contribuição de dois nomes expressivos na área da comunicação eclesial: Marcus Tullius, coordenador da Pascom Brasil, que apresentou um panorama da realidade da Pascom no país, trazendo reflexões úteis sobre as práticas e os desafios enfrentados em nível nacional . Amanda Oliveira, coordenadora da Comissão para a Comunicação no Regional Leste 2, também apresenta insights importantes sobre a comunicação na região, enriquecendo o debate com uma perspectiva mais regional e próxima da realidade local.

Este momento é mostrado fundamental para aprofundar não apenas as discussões sobre as práticas da Pascom, mas também para estreitar os laços entre a realidade local e as diretrizes e práticas impostas nos âmbitos nacional e regional. Foi uma oportunidade única de aprender com experiências diversas e enriquecedoras, consolidando a visão integral da Pastoral da Comunicação na Arquidiocese de Montes Claros.

Publicação do Guia Arquidiocesano de Comunicação Pastoral

Na tarde do primeiro dia do encontro, duas conferências marcaram o evento. A primeira, intitulada “Aprender a ver com aquele que teve compaixão”, foi conduzida por Marcus Tullius, seguida pela segunda, “Do encontro à comunidade: desafios para uma pastoral de comunhão e sinodalidade”, ministrada por Amanda Oliveira. Neste momento, também foi apresentado, pelo padre George Luís, o Guia Arquidiocesano de Comunicação Pastoral, fruto de um processo sinodal que promete iluminar e dinamizar a comunicação pastoral e institucional na Arquidiocese.

Logo após esta apresentação tão aguardada, os participantes se reuniram em grupos para um momento prático e colaborativo. Neles, foram estimulados a planejados e delineados as atividades da Pascom em suas respectivas paróquias. Essa dinâmica permitiu a aplicação imediata dos conhecimentos adquiridos, possibilitando a tradução das diretrizes no guia para a realidade específica de cada comunidade.

Foi um momento de interação e troca de ideias onde os participantes compartilharam estratégias, discutiram desafios locais e exploraram maneiras inovadoras de promover a comunicação pastoral em suas paróquias.

No período da noite de sábado, o Encontro da Pastoral da Comunicação ofereceu uma variedade de workshops temáticos, cada participante teve a oportunidade de escolher duas entre as opções disponíveis. Esses workshops foram conduzidos por especialistas em diferentes áreas, aprofundando o conhecimento e as habilidades dos participantes.

Os temas abordados foram vastos e pertinentes à comunicação eclesial contemporânea. Vivian Magalhães liderou a oficina sobre gerenciamento de redes, fornecendo insights valiosos sobre como melhorar a presença digital da igreja.

Laura Tupinambá exerceu seu conhecimento na área de fotografia, explorando formas de capturar e transmitir uma mensagem visual de maneira impactante.

Marcus Tullius contribuiu uma sessão dedicada às atualizações no Diretório de Comunicação da Igreja no Brasil, documento fundamental para orientar as práticas comunicativas da comunidade eclesial.

Por fim, Amanda Oliveira bordou a Campanha da Fraternidade, discutindo sua relevância e estratégias para sua eficácia, divulgação e engajamento.

Esses workshops proporcionaram um ambiente de aprendizado dinâmico e prático, onde os participantes puderam mergulhar em temas específicos e relevantes para a comunicação pastoral, fortalecendo suas habilidades e conhecimentos para aplicação direta em suas comunidades.

No domingo: Um Marco para a Comunicação da Arquidiocese

O domingo teve um início marcante com a celebração da Santa Missa presidida por dom José Carlos, arcebispo de Montes Claros, e concelebrada pelo padre George Luís, assessor do Secretariado Arquidiocesano para a Comunicação. Este momento litúrgico solene não apenas elevou a espiritualidade do encontro, mas também marcou o cenário para acontecimentos significativos.

Durante a celebração, foi realizado o lançamento oficial do Guia Arquidiocesano de Comunicação Pastoral e do Secretariado Arquidiocesano para a Comunicação. O decreto de instalação do Secretariado foi lido por Karla Zuba, coordenadora arquidiocesana da Pascom, enfatizando a importância e o comprometimento da Arquidiocese de Montes Claros com aprimoramento e fortalecimento da comunicação pastoral.

Dom José Carlos, arcebispo de Montes Claros, expressou na apresentação do Guia, sua expectativa de que este guia eduque para uma comunicação humanizadora e evangelizadora, fundamentada na verdade. Padre George Luís, assessor do Secretariado para a Comunicação, enfatizou o papel do guia em auxiliar os responsáveis ​​pela comunicação a seguir os caminhos propostos pela IV Assembleia Arquidiocesana de Pastoral.

Leia mais no site da aquidiocese de Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira
plugins premium WordPress Pular para o conteúdo